(11) 3107-6119
sbgg-sp@sbgg-sp.com.br

Que tal falar de cuidados paliativos?

Foi lançado na segunda-feira (25) o manual Vamos falar de Cuidados Paliativos, material baseado no documento Let’s Talk about Palliative and Hospice Care. De autoria da Ohio Health, instituição de referência em Cuidados Paliativos, o texto original foi traduzido e adaptado para uso no Brasil pela Comissão Permanente de Cuidados Paliativos da Sociedade Brasileira de Geriatria e Gerontologia.
Segundo Daniel Azevedo, geriatra e presidente da Comissão, o objetivo da publicação é trazer informações introdutórias sobre o tema que pode, inclusive, servir de apoio para cursos básicos de Cuidados Paliativos em eventos da SBGG.
Screen Shot 2015-05-27 at 5.24.00 PM“A Comissão espera que essa cartilha seja útil para profissionais da saúde ou familiares que desejem compreender a filosofia e o histórico dos cuidados paliativos. Além de uma visão geral do assunto, a cartilha traz também reflexões sobre a aproximação entre geriatria e cuidados paliativos e sobre paliação em idosos”, explica Azevedo.
Ele acrescenta que falar sobre esse assunto ainda é um desafio, já que é natural ter medo e até desconfiar daquilo que desconhecemos – e essa dificuldade de se abordar o tema é encontrado tanto entre os pacientes quanto entre profissionais. Para o geriatra, está na hora de falar abertamente sobre Cuidados Paliativos.
“Não são cuidados de menor importância ou ‘cuidados para pessoas que estão morrendo. São cuidados que permitem que pessoas com doenças incuráveis que ameaçam a continuidade da vida vivam da maneira mais plena possível. Para isso, é importante promover a autonomia das pessoas doentes e maximizar sua independência, através da comunicação franca com a família e de um bom controle de sintomas”, esclarece.
O material pode ser baixado gratuitamente e compartilhado por todos que se interessarem. Clique aqui para ter acesso ao manual.
Por Fernanda Figueiredo