(11) 3107-6119
sbgg-sp@sbgg-sp.com.br

SBGG-SP apoia o III Congresso Municipal sobre Envelhecimento Ativo

logo-congresso-2015A SBGG-SP é uma das apoiadoras do III Congresso Municipal sobre Envelhecimento Ativo, que será realizado no dia 3 de outubro, na Câmara Municipal de São Paulo.
Uma iniciativa do médico e vereador Gilberto Natalini (PV-SP), o tema do congresso deste ano será “Ações para uma São Paulo Amiga do Idoso: quem financia?”. Segundo o site do evento, diante do rápido envelhecimento populacional por que passa o país, faz-se urgente investir em ideias para garantir, ampliar e qualificar os recursos que promovam a saúde, a qualidade de vida e o ambiente saudável para tornarmos nossa cidade ‘amiga’ de todas as idades”.
Entre os palestrantes estarão o vereador Gilberto Natalini, membro da Comissão do Idoso da Câmara Municipal de São Paulo; o vereador Mario Covas Neto – Presidente da Comissão de Defesa dos Direitos do Idoso e Assistência Social; Eduardo Suplicy, secretário municipal de Direitos Humanos; a geriatra Renata Nogueira Salles, presidente da SBGG-SP; entre outros.

“Trata-se de um evento importante por reunir representantes do governo municipal, ONGs, sociedade civil, sociedade médica e empresas para discutir as questões relacionadas ao envelhecimento e poder promover um envelhecimento ativo com melhor qualidade de vida aos nossos idosos. Se por um lado o envelhecimento populacional é uma conquista da humanidade, por outro lado temos uma série de desafios a serem enfrentados”, explica a presidente da SBGG-SP. “O III Congresso Municipal discute neste ano o desafio das fontes disponíveis de financiamento para um envelhecimento ativo. E nós da SBGG-SP esperamos ter um papel não apenas científico, mas cada vez mais um papel social.”

A programação pretende discutir a economia ampliada pública e privada no universo de ações, produtos e serviços para pessoas idosas, bem como políticas e boas práticas para se viver mais e melhor, com dignidade, liberdade e participação cidadã – “Uma temática que abrange as tendências do mercado, os desafios do setor público, o envolvimento de entidades e sociedades para o encontro de soluções”, conforme explica a comissão organizadora do evento.
O evento é gratuito e pretende reunir cerca de 800 pessoas para as discussões.
Para saber mais acesse: www.envelhecimentoativo.com